Prefeitura de Apiaí realiza ação socioambiental em escolas

Publicado em 12 de abril de 2019
CompartilheShare on FacebookTweet about this on Twitter

A Prefeitura de Apiaí, por meio da Secretaria de Turismo, Cultura e Meio Ambiente, promoveu no decorrer dessa semana ações socioambientais nas escolas municipais. O objetivo dessa ação é conscientizar as crianças sobre o conceito de resíduos sólidos e sua importância.

A primeira atividade aconteceu no período da tarde de quarta-feira (10), e contou com a participação de alunos do segundo ao quinto ano da EMEIEF Prof.ª Honorina Albuquerque. As atividades foram ministradas pelo palestrante Alexandre Oliveira, biólogo e secretário do Centro Integrado de Estudos Multidisciplinares de Apiaí (CIEM) e pela Mestre de Ciências Ambientais e responsável pelo projeto, Marcela Borges. Na escola, os alunos assistiram a uma palestra sobre resíduos sólidos e conheceram os objetos que podem ser criados com os materiais recicláveis como bonecos, instrumentos musicais, assessórios e outros. Essas atividades também foram realizadas no período da manhã e tarde para os alunos do segundo ao quinto ano da EMEIEF Ala.

Após a palestra os alunos assistiram a um vídeo intitulado “Natureza Sabe Tudo – Lixo e Desperdício”. Ao final das atividades os alunos tiveram conhecimento sobre uma gincana que está prevista para começar no dia 20 de maio, que tem como objetivo os auxiliar na coleta de resíduos sólidos, como papéis, plásticos e lata. Os alunos deverão fazer essas seleções na própria casa e levar o material para escola em um determinado dia para fazer a pesagem de cada material guardado. A sala de aula que conseguir arrecadar o maior número de resíduos ganhará uma viagem para o Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (Petar), no Núcleo Caboclos. A expectativa é que todas as escolas entre municipais, estaduais e particulares participem da gincana que levará em média duas semanas.

Essa ação está prevista no projeto socioambiental da Secretaria de Turismo, Cultura e Meio Ambiente, e segundo a responsável pelo projeto, Marcela Borges, o objetivo dessa ação é formar uma população mais sensibilizada. “O objetivo geral é formar uma população sensibilizada, consciente e preocupada com o meio ambiente, comprometida em colaborar individual e coletivamente na resolução de problemas atuais e prevenção de problemas futuros”, explica.

 

Assessoria de Imprensa – Malu Martins