Apiaí recebe peca teatral “A Moça da Janela” no Ginásio Municipal de Esportes, Antonio Dimpino Pontes

Publicado em 15 de março de 2017
CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

A peça teatral “A Moça da Janela” foi realizada no Ginásio Municipal de Esportes Antonio Dimpino Pontes na manhã de segunda-feira (13), em parceria da Prefeitura de Apiaí, através da Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Meio Ambiente, da Secretaria municipal de Educação e Esportes com a Secretaria Estadual de Cultura, por meio do Programa de Ação Cultural (ProAc) e AnimaLendas.

O evento contou com a presença da diretora municipal de Turismo, Lia Camargo, além de aproximadamente 180 estudantes da rede municipal de ensino. A idealização do primeiro espetáculo de rua da Cia AnimaLenda surgiu no Centro de Estudos e Práticas do Teatro de Animação, coordenado pela Cia Truks .A idéia inicial foi levar para as ruas a bela e inusitada história de amor que contava uma música composta Vinicius Camargo e Felipe Iszlay. Para isso Kely de Castro (diretora geral do espetáculo) contou com a orientação artística de Henrique Sitchin, diretor da Cia Truks.

O espetáculo foi construído a partir do intuito da Cia AnimaLenda  de realizar um espetáculo de rua para crianças com uma estética híbrida composta de referências populares e também contemporâneas. Para isso, uniu em cena a expressão do teatro de bonecos, através do trabalho da bonequeira Kely de Castro, com a diversidade musical do trabalho do músico Vinícius Camargo e da musicista Estela Carvalho.

Na história, o Moço do Correio tem cacoete de poeta, além de entregar cartas também gosta de escrever versos. Esse pobre moço sonhador se apaixonou pela Moça da Janela, que todos os dias espera ansiosamente por uma correspondência. Seria esse amor correspondido? E, afinal quem escreveria as tais cartas para a Moça?  É desta questão que surge o final surpreendente desta trama de amor e aventura. A Cia AnimaLenda conta esta história com uma linguagem híbrida, misturando tradicional e contemporâneo; música e bonecos; humor e poesia.

CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter